sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

Ahhh o Amor


Um pote de brilho eterno
Um arco-íris das cores nunca vistas
Um oceano de tudo de mais profundo
Mais puro e perfeito

Combina comigo. E contigo?!
Combina com o homem andando na rua
Com a criança que chora pedindo colo
Com a mãe que sente saudade do filho na escola

Tem força nas entrelinhas
Não precisa dizer, sinto no olhar
Quando não olha também sinto
O amor é maduro, é bonito e aplaude

É puro como o pensamento que o cabe
Cabe na prece que Deus ouve
No ar que respiras e polui
Polui o coração vazio

Mas como é que o chamas?!
Eu chamo de felicidade
Chamo de dorzinha gostosa
Mas existe dor com gosto?!

O amor existe, existe porque sinto
Sinto quando acordo, quando durmo
Quando não faço nada disso
Quando puxo e solto o ar

O amor é, como se diz?! Louco!!
Louco?! Sim, louco!! Você não é?!
O amor?! Não!!!Quem o sente?!
Ahhh o amor, é tão belo que me cega

Tem sabor de...de...de amor...

4 comentários:

Cami disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cami disse...

o amoooooooor e um so, mas nunca envolve so UM e deixo em aberto para alguem fechar, esse alguem que e o meu dois e nao me deixa ser um so...

... e combina comigo tamb�m!...

um beijo, Roberta!!!!!! Lindo demaaaaais isso aqui! ((pra variar))

Roberta Campos disse...

Pra variar vc completa meus textos, poemas...que lindo que escreveu!!! Obrigada mais uma vez pelo carinho e atenção com minhas palavras, isso me deixa imensamente feliz!!!!

Beijooo Camila, beijoooo!!

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.